Em Lucas: Pesquisa de intenção de votos , é suspensa pela justiça

16 de Outubro de 2020 ás 07h 14min 2

O Juiz Eleitoral Cristiano dos Santos Fialho, determinou a suspensão da divulgação em redes sociais e sites da internet, de uma pesquisa de intenção de votos, do Instituto Gazeta Dados, realizada em Lucas do Rio Verde, por indícios de fraude. 

 

 

                                                            

 

 

Foi destacado que os números foram, em um primeiro momento, divulgados no site da empresa, nesta quinta-feira (15), com percentuais, atribuídos a cada um dos candidatos a prefeito que, somados, totalizavam 112%. 

 

 

Posteriormente, o resultado da pesquisa teria sido comemorado e divulgado pelo candidato a prefeito Luiz Flori Binotti (PSD), em suas redes sociais. 

 

 

 

A ação foi protocolada pela coligação “Gente que faz” (Cidadania, PDT, Republicanos, PSL, PSDB, Democratas, DC, PV e PSC), encabeçada pelo candidato Miguel Vaz (Cidadania). 

 

 

"A coligação Lucas ao Rumo Certo, nada tem a dizer sobre isso, pois se todos olharem no site do TSE, onde todas as pesquisas são divulgadas, são obrigatoriamente inclusas, no site tem lá, contratante e contratado. Se analisarmos, é possível ver que nós não somos os contratantes da pesquisa, então nós não temos nada a declarar. Quem tem que declarar se a pesquisa é fraudulenta ou não, é a empresa que fez a pesquisa, que era a contratante, e ela que soltou a pesquisa. Não acreditamos na fraude, sabendo da idoneidade da empresa, mas quem tem que fazer a defesa são os advogados deles e não a nossa coligação", aponta Guilherme Pontes, advogado representante da coligação Lucas ao Rumo Certo, após rumores de responsabilização do resultado.

Fonte: Carolina Moreira TERRA MT DIGITAL

Comentários