Deputados derrubam veto do Governo de auxílio de R$ 1,1 mil para professores interinos

Política 23 de Junho de 2020 ás 08h 03min

Por 16 votos a cinco, os deputados estaduais derrubaram, em sess√£o desta segunda-feira (22), o veto do governador Mauro Mendes (DEM) ao aux√≠lio emergencial de R$ 1,1 mil aos professores interinos e contratados das escolas p√ļblicas estaduais. Durante a vota√ß√£o, o governador Mauro Mendes foi criticado, inclusive por parlamentares de sua base por ter vetado a medida aprovada pela Assembleia Legislativa, como uma forma de ajuda aos profissionais da educa√ß√£o no m√™s passado. Acatando ao parecer da Procuradoria Geral do Estado (PGE), que alegou que o projeto √© inconstitucional, pois interfere na organiza√ß√£o administrativa de √≥rg√£o da administra√ß√£o p√ļblica estadual e promove invas√£o da compet√™ncia privativa do governador, Mendes vetou o aux√≠lio no in√≠cio do m√™s de junho. A medida, segundo os parlamentares, ir√° reduzir o impacto da suspens√£o dos contratos de trabalho dos professores devido √† pandemia do novo coronav√≠rus e que est√£o sem receber sal√°rio desde o m√™s de abril. Em entrevista, os professores acusaram o Governo de retalia√ß√£o, por terem participado da greve no ano passado. De acordo com eles outros professores foram contratados pela Secretaria de Estado de Educa√ß√£o este ano, sendo que a Seduc poderia ter renovado os contratos deles.   TEXTO: OLHAR DIRETO

Coment√°rios