Auxílio emergencial de R$ 600 é prorrogado por mais dois meses

Política 30 de Junho de 2020 ás 17h 57min

O presidente Jair Bolsonaro assinou na tarde desta ter√ßa-feira (30) o decreto que prorroga, por mais dois meses, o aux√≠lio emergencial de R$ 600, destinado aos trabalhadores informais, microempreendedores individuais, aut√īnomos, desempregados e pessoas de baixa renda durante a pandemia da covid-19. Com isso, cerca de 64,1 milh√Ķes de pessoas que tiveram o benef√≠cio aprovado receber√£o mais duas parcelas, no mesmo valor. ¬ďObviamente, isso tudo n√£o √© apenas para deixar a economia funcionando, viva, mas dar o sustento para essas pessoas. N√≥s aqui que estamos presentes sabemos que R$ 600 √© muito pouco, mas para quem n√£o tem nada, √© muito¬Ē, afirmou Bolsonaro em discurso no Pal√°cio do Planalto. A solenidade de prorroga√ß√£o do programa foi acompanhada pelos presidentes da C√Ęmara dos Deputados, Rodrigo Maia, e do Senado Federal, Davi Alcolumbre. Diversos ministros, al√©m do vice-presidente, Hamilton Mour√£o, tamb√©m participaram da cerim√īnia. ¬ďS√£o mais duas presta√ß√Ķes e n√≥s esperamos que, ao final dela, a economia j√° esteja reagindo, para que n√≥s voltemos √† normalidade o mais rapidamente poss√≠vel¬Ē, acrescentou o presidente. A Lei 13.982/2020, que instituiu o aux√≠lio emergencial, foi aprovada pelo Congresso Nacional em abril e previa a possibilidade de que um decreto presidencial prorrogasse os pagamentos, desde que mantidos os valores estabelecidos. At√© a semana passada, o governo federal¬†avaliava estender o aux√≠lio¬†por mais tr√™s meses, mas reduzindo o valor de cada parcela de forma decrescente, para R$ 500, R$ 400 e R$ 300, respectivamente. ¬ďEstamos aqui para anunciar, pelo presidente, que cumprindo o que o Congresso Nacional nos determinou, de que poderia, por ato do Poder Executivo, prorrogar as tr√™s parcelas emergenciais, e √© o que o presidente est√° fazendo hoje, para garantir, por mais dois meses, a continuidade do programa, que √© essa grande rede de prote√ß√£o, que permitiu, junto com o BEM, que √© o beneficio emergencial para aqueles que t√™m trabalho, que preserv√°ssemos mais de 10 milh√Ķes de empregos e estender essa rede de prote√ß√£o a 65 milh√Ķes de pessoas¬Ē, afirmou o ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni. O governo federal come√ßou a pagar essa semana a¬†terceira parcela¬†do aux√≠lio.   texto: mte noticia

Coment√°rios