Mãe era ameaçada para não denunciar abuso contra as filhas de 11 e 13 anos em Sinop

A mãe das duas meninas, de 11 e 13 anos, abusadas pelo padrasto, de 32 anos, em depoimento na Delegacia de Polícia Civil, relatou graves ameaças sofridas para não denunciar o crime contra as filhas. O suspeito foi preso no último sábado (20), na Rua Arco Iris, com mandado de prisão expedido pela Justiça.

O relacionamento do casal terminou na semana passada depois da mulher descobrir os abusos.  As crianças foram abusadas pelo padrasto por dois anos, quando tinham 9 a 13 anos.

A mulher conta que o homem esteve na casa dela, zona rural de Sinop, e foi ameaçada com uma espingarda. Mesmo assim, ela denunciou o ex-marido na Delegacia da Mulher.

A polícia apreendeu a espingarda calibre 32 com munições.

O homem está preso no Presídio Osvaldo Florentino Leite (Ferrugem).

- Publicidade -