Exclusivo! Futebol brasileiro tem previsão de retorno para agosto, VAR fora do estádio e mais. Veja as medidas estudadas por CBF e clubes

Esportes 16 de Maio de 2020 ás 17h 01min

A exemplo da Bundesliga, o futebol brasileiro estuda maneiras de retomar à normalidade após o período do pico da pandemia do covid-19. Vagner Martins, repórter dos canais FOX Sports, obteve informações exclusivas a respeito do novo protocolo de segurança da CBF para o retorno do futebol e sobre a reunião realizada entre setores da entidade, como doping, serviços médicos e segurança. O repórter do FOX Sports teve acesso aos detalhes de serviços como VAR e exame antidoping, além de como será a organização por parte dos atletas para evitar a contaminação e propagação do vírus. Na próxima segunda-feira (18 de maio) haverá uma nova reunião entre clubes e CBF para darem novos passos rumo ao retorno do futebol no Brasil. As informações ainda são preliminares, mas a ideia da CBF e dos clubes é que o futebol retorne no final de julho e início do mês de agosto. A data é apenas uma previsão, uma vez que a CBF aguardará a autorização do Ministério da Saúde e de demais órgãos de segurança do País. Os portões seguiriam fechados, com uma equipe entrando antes da outra. No intervalo, a ordem de retorno dos times ao campo se inverteria. Todos os atletas passariam por testes 48 horas antes das partidas para evitar o descontrole de contaminação do vírus. Sobre as pessoas envolvidas na partida de futebol, todas passarão por testes de temperatura, em uma espécie de serviço de triagem, com o mesmo intuito dos atletas. Com relação a arbitragem, as escalas serão regionais. Isso evitará viagens de longas distâncias. O árbitro de vídeo não ficará no estádio. O serviço será realizado em escritórios fora dos estádios. O acesso para a imprensa será reduzido ao extremo, com apenas funções básicas de transmissões tendo acesso ao local. No caso dos atletas, as regras são ainda mais rígidas. Os jogadores serão orientados a não se abraçarem após os gols e também não poderão tomar banhos nos vestiários, indo para casa imediatamente após a partida, levando as roupas usadas nos jogos para serem lavadas em casa. Durante live em conta oficial do Instagram, Jorge Pagura, coordenador do protocolo nacional da CBF, falou sobre algumas normas que devem ser tomadas quando o futebol for retomado no País. "O barulho do silêncio é a nova tônica que a gente verá no futebol. O abraço, a comemoração, isso não vai existir. No plano tem isso (não cuspir), mas não tem multa. Vão ter opções, totens caso seja preciso assoar o nariz. Álcool gel para esterelizar a mão", disse o dirigente. TEXTO: FOX SPORTS

Comentários