Policiais Penais denunciam más condições de trabalho na Penitenciária Central do Estado

17 de Setembro de 2020 ás 16h 22min

Policiais Penais denunciaram ao Sindicato dos Servidores Penitenciários de Mato Grosso (Sindspen-MT) más condições de trabalho nas torres da Penitenciária Central do Estado (PCE), em Várzea Grande. De acordo com a denúncia entregue nesta semana, os policiais ficam sem qualquer abrigo contra o sol, chuva, vento, poeira e outras situações. O local também não possui banheiro e, com o ar-acondicionado quebrado, a temperatura é "maior que deserto".

 

 

“As torres não possuem estrutura e ninguém consegue ficar no local por muito tempo. O ar-condicionado não funciona, no lugar não possui nem ao menos uma torneira para poder molhar o rosto ou até mesmo umidificar o local. Além de que a escada para chegar à torre não oferece segurança aos profissionais” diz trecho da denúncia.

 

 

                                                          

 


Em uma das torres, foi amarrada uma lata em uma corda para evitar que o servidor precise descer para buscar algo, como carregadores de celular, água e alimentos, já que a saída é considerada abandono de posto. Em fotos é possível ver que as fiações elétricas estão expostas, colocando em risco a vida dos profissionais.

 


A presidente do Sindspen, Jacira Maria da Costa, cobra do Estado uma melhoria nas condições de trabalho desses policiais. “Senhor governador e secretários, é preciso rever suas ações e melhorar o dia a dia dos nossos guerreiros, porque senão teremos um adoecimento substancial da categoria. Não adianta os senhores inaugurar uma obra que aumentará a capacidade em mais  432 vagas na unidade, sendo que os profissionais estão sem estrutura no local de trabalho”, destacou Jacira.

 


“Há um tempo que os nossos policiais penais têm reclamado sobre as condições desumanas e insalubres onde eles estão tirando o quarto de hora nas muralhas da penitenciária. Nós queríamos que os nossos policiais fossem vistos com o mesmo olhar prioritário, pois eles são à base da unidade”, disse a presidente. 

 


Segundo a Secretaria de Estado de Segurança Pública de Mato Grosso (Sesp-MT), em nota divulgada ao Olhar Direto, o projeto de adequações o PCE inclui a construção de novas torres que serão climatizadas e com banheiros para os servidores.

 


Confira a nota da Sesp na íntegra:

 

A Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT) esclarece que as torres de vigilância são cobertas, portanto, os servidores não ficam expostos ao sol. Informa ainda que o projeto de adequações da Penitenciária Central do Estado (PCE) inclui a construção de novas torres, que serão climatizadas e com banheiros, visando à melhoria das condições de trabalho aos policiais penais. 

IMAGENS:

 

Fonte: OLHAR DIRETO

Comentários