Motorista foge da PM e quase atropela pessoas em boate sertaneja em Cuiabá

ÁLCOOL E DIREÇÃO 19 de Setembro de 2020 ás 14h 05min
Reprodução.

Um motorista bêbado, de apenas 20 anos, protagonizou uma "fuga alucinante" ao ser perseguido por uma viatura da Polícia Militar na noite desta sexta-feira (29), em Cuiabá. Ele quase causou uma tragédia nas imediações de uma boate sertaneja situada na avenida Beira Rio e, ao final, foi preso em flagrante. Ninguém ficou ferido. 

 

O suspeito, cujo nome não foi divulgado, deverá ser enquadrado pelos delitos de direção perigosa em via pública, desobedecer ordens da autoridade policial e conduzir veículo sob influência de álcool. Esses crimes, segundo o boletim de ocorrência confeccionado pela Polícia Militar, foram todos consumados pelo motorista irresponsável. 

 

Consta no documento policial que uma viatura fazia uma blitz como parte da operação Ostensividade Total, quando um Renault Sandero de cor vermelha furou o bloqueio e passou por cima de todos os cones que sinalizavam o trecho da pista. Diz ainda que ele quase atropelou os policiais que participavam da blitz. 

 

Foi solicitado de outras viaturas para fechar o cerco ao fugitivo e a partir de então teve início uma perseguição com uso de giroflex e sinais sonoros com ordens para que o motorista parasse o carro. Ele ignorou as ordens e fugiu em alta velocidade pela avenida Beira Rio. Nas imediações do Bar Dallas, ele quase atropelou pedestres que estavam na pista. 

 

Conforme o relato contido no B.O, o suspeito prosseguiu em fuga colocando em risco a vida de terceiros até se de parar com outra viatura, do 9º Batalhão, que foi acionada para dar suporte à ocorrência. O veículo policial trancou a via, mas não conseguiu impedir a passagem do Renault que só parou na frente de um condomínio residencial no bairro São Matheus. 

 

Os militares abordaram o condutor que foi submetido ao teste do bafômetro. O resultado apontou 0,59 mg/L (miligramas de ar por litro de ar expelido). Pela lei de trânsito em vigor, entre 0,01 e 0,29 mg/l fica configurada a infração de trânsito do artigo 165 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), uma infração gravíssima que resulta em menos 7 pontos na CNH, com multa que pode chegar a R$ 2,9 mil, mais a suspensão do direito de dirigir por 12 meses. 

 

Em caso de valor igual ou maior a 0,30 mg/l, o condutor também é autuado pelo crime de embriaguez ao volante, conforme o artigo  306 do CTB, que prevê detenção de seis meses a três anos, multa e suspensão ou proibição de se obter a permissão ou a habilitação para dirigir veículo. Diante dos fatos, a equipe da Polícia Militar algemou o motorista bêbado e depois o encaminhou para a Central de Flagrantes de Cuiabá. O indiciamento é responsabilidade da Polícia Civil.

Fonte: Folha Max

Comentários