Casal é assassinado brutalmente na zona rural de Colniza

BANNER – BINOTTI
PAX

 

Um duplo homicídio foi registrado pela Polícia Militar em uma chácara na Linha Rosa de Saron, zona rural do município de Colniza (a 1.067 km de Cuiabá), nesta terça-feira, 11 de fevereiro.

Segundo a polícia, as vítimas Juceia Costa Lemke, de 43 anos, e seu marido Natrislânio Rodrigues Ferreira, de 28 anos, foram encontrados mortos por volta das 13h por um sobrinho, que ao ver os corpos pela janela no interior da residência, de imediato voltou para a cidade e chamou a polícia militar.

Os policiais militares foram até o local do crime e encontraram os corpos das vítimas que estavam no interior da residência, próximas a uma janela, com sinais de perfurações provenientes de arma de fogo na cabeça e Natrislânio também estava com um corte profundo no pescoço.

Ao lado dos corpos foram encontrados uma faca e vários estojos de munições deflagradas.

Foi feito o isolamento do local até a chegada dos investigadores da Polícia Civil, que iniciaram as investigações, colhendo informações para identificar quem poderiam ser os autores desse duplo homicídio.

A cena do crime foi alterada por familiares a filha da vítima estava sob o corpo da mãe, ela foi orientada a se afastar do local.

Em Juína, a reportagem entrevistou o tenente coronel Alex que falou sobre mais este crime violento em Colniza.

“Infelizmente mais uma situação que deve ser apurada para tentar se descobrir quem pode ter sido o suspeito ou suspeitos desse crime. Segundo informações colhidas pelos policiais as duas vítimas já praticavam atividades criminosas, com várias passagens pela polícia, inclusive o rapaz teria saído recentemente de uma detenção”- informou o comandante do 20º batalhão da PM, Tenente Coronel PM Alex.

O comandante acrescentou ainda que “As causas dos crimes serão apuradas, mas são mais duas mortes para o município que já tem um histórico tão violento e é uma preocupação da região e da segurança pública como um todo e agora cabe os procedimentos de praxe e posteriormente as investigações sobre a motivação dos crimes”, completou.

A polícia judiciária civil já iniciou as investigações.

Juína News

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Loading...